Inhapi Informes - Portal de notícias de Inhapi, Sertão de Alagoas

MENU
Logo
Sexta, 03 de dezembro de 2021

São Paulo

São Paulo domina Palmeiras, vence na casa do rival e respira contra Z-4

Verdão leva time reserva a campo e gera questionamentos; Tricolor se aproveita para dominar, construir vitória com facilidade e se afastar do perigo

Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando
  • Tricolor respira

    São Paulo dominou com autoridade o Palmeiras na noite desta quarta-feira, venceu por 2 a 0 no Allianz Parque e passou a respirar um pouco mais aliviado na briga contra o rebaixamento no Campeonato Brasileiro. Enquanto o Verdão levou time quase todo reserva a campo, já preocupado com a final da Libertadores no dia 27, o Tricolor entrou com um senso de urgência que não se viu, por exemplo, na goleada sofrida diante do Flamengo no último fim de semana. O time de Rogério Ceni criou muito, marcou com Gabriel Sara e Luciano e deixou o estádio do rival bem mais forte para se livrar da queda à Série B. Já o Verdão viu noite ruim de vários de seus reservas, com Patrick de Paula falhando, Luiz Adriano saindo com bronca da torcida e Abel sendo questionado pelas escolhas que fez para o Choque-Rei. A chance de título ficou quase nula, e a vice-liderança nem veio. Assista aos melhores momentos:

     

     

  • Como fica?

    A vitória leva o São Paulo aos 41 pontos, agora a cinco do Bahia, primeiro time da zona de rebaixamento e que ainda joga nesta quinta. Já o Palmeiras estaciona nos 58, em terceiro lugar e perdendo o embalo com a segunda derrota seguida. CLIQUE AQUI e veja a tabela do Brasileirão.

    Gol de Luciano em Palmeiras x São Paulo

    Gol de Luciano em Palmeiras x São Paulo (Foto: Marcos Ribolli)

  • Noite para lembrar

    O Tricolor se recuperou rapidamente da derrota por 4 a 0 para o Flamengo com uma atuação segura, técnica e com muita vontade de vencer. O time “engoliu” o Palmeiras em muitos momentos do jogo e fechou o placar com Luciano, que encerrou um jejum de 11 partidas sem marcar – seu maior com a camisa do São Paulo.

    Luciano exalta vitória sobre reservas do Palmeiras: "Tem jogadores que seriam titulares em outros times"

    Luciano exalta vitória sobre reservas do Palmeiras: "Tem jogadores que seriam titulares em outros times"

  • Noite para esquecer

    O Palmeiras já gerou dúvidas na torcida desde a escalação inicial, repleta de reservas e apenas com Weverton de titular habitual. O Verdão foi dominado, jogou mal e viu Patrick de Paula falhar feio no segundo gol do São Paulo – o time só melhorou um pouco quando Raphael Veiga, Rony e Gustavo Scarpa entraram. A “cereja do bolo”, porém, foi mais um capítulo da bronca dos palmeirenses com Luiz Adriano – o camisa 10 foi substituído, vaiado, e aplaudiu de maneira irônica.

    Vaiado em substituição, Luiz Adriano aplaude torcida do Palmeiras

    Vaiado em substituição, Luiz Adriano aplaude torcida do Palmeiras

  • Fala, Zé Rafael!

    Meia do Palmeiras analisa lições da derrota em casa.

    Zé Rafael comenta derrota no clássico: "Serve de amadurecimento para a final"

    Zé Rafael comenta derrota no clássico: "Serve de amadurecimento para a final"

  • Primeiro tempo

    Abel Ferreira levou um Palmeiras quase todo reserva a campo – exceção feita ao goleiro Weverton. E o São Paulo, também com mudanças, acabou tomando conta do jogo no Allianz Parque. O Tricolor se aproveitou dos espaços deixados no meio-campo e criou chances, arriscou de longe e explorou principalmente o lado direito do ataque. Foi por ali, aos 23 minutos, que Luciano ganhou de Renan pelo alto, e Gabriel Sara dominou praticamente livre à frente da área, cortou e acertou lindo chute sem chances de defesa. Com o 1 a 0 no placar, o São Paulo sentiu o bom momento e tentou ampliar o placar diante de um rival perdido e que não conseguiu acionar dois de seus jogadores mais experientes: no ataque, Willian e Luiz Adriano estiveram sumidos, e só Breno Lopes teve alguns momentos positivos. No meio, Danilo e Patrick de Paula tentaram dar ritmo, mas Matheus Fernandes, em rara oportunidade, pouco fez.

    Aos 23 min do 1º tempo - gol de fora da área de Gabriel Sara do São Paulo contra o Palmeiras

    Aos 23 min do 1º tempo - gol de fora da área de Gabriel Sara do São Paulo contra o Palmeiras

  • Segundo tempo

    O ritmo se manteve, com o São Paulo empilhando chances (e perdendo), e o Palmeiras praticamente assistindo ao rival e deixando a torcida mais impaciente. Já aos 15 minutos, em erro bobo de saída de bola, Patrick de Paula entregou de bandeja para Luciano finalizar, fazer o segundo do Tricolor e praticamente definir o jogo. O Verdão parecia sem reação, quase sofreu mais gols – Luciano, de cabeça, exigiu grande defesa de Weverton – e só mostrou algo quando Rony, Raphael Veiga e Gustavo Scarpa foram acionados – Luiz Adriano, um dos que saíram, foi vaiado e aplaudiu a torcida de maneira irônica. Scarpa chegou a cobrar uma falta no travessão, e Gabriel Sara ainda marcou o terceiro do Tricolor, anulado pelo VAR por causa de impedimento do atacante Marquinhos.

    Aos 15 min do 2º tempo - gol de fora da área de Luciano do São Paulo contra o Palmeiras

    Aos 15 min do 2º tempo - gol de fora da área de Luciano do São Paulo contra o Palmeiras

  • Atuações do Palmeiras

    CLIQUE AQUI e veja as notas dos jogadores do Verdão.

    Jogadores do Palmeiras após gol sofrido contra o São Paulo

    Jogadores do Palmeiras após gol sofrido contra o São Paulo (Foto: Marcos Ribolli)

Fonte/Créditos: GE

Créditos (Imagem de capa): Marcos Ribolli

Comentários: