Chefe do cartório de registros e notas de Inhapi morre vítima de infarto fulminante

TSE
TSE

O tabelião Clodoaldo Elias da Silva, 42, chefe do cartório de registros e notas de Inhapi, morreu na noite deste sábado (29), por volta das 23h, no Sítio Salão, zona rural do município.

“Clôdo do Cartório”, como era mais conhecido, tinha participado de uma partida de futebol com amigos e estaria comemorando com eles, quando sofreu um infarto fulminante e morreu.

Ele era filho do ex-vereador Elias Galego e irmão do vereador Valter de Elias, inclusive chegou a disputar pelo Partido dos Trabalhadores (PT) uma vaga no Legislativo municipal, nas eleições de 2012, onde obteve 120 votos e ficou na suplência.

Muito querido na região, “Clôdo” era esposo da conselheira tutelar Eliane da Silva, com que teve dois filhos, um com 10 anos de idade e o outro com 16.

O corpo está sendo velado na residência da mãe do tabelião, na Rua Juscelino Kubitschek, centro da cidade. O sepultamento deverá ocorrer no cemitério municipal, às 8h, desta segunda-feira (1).

Jota Silva

Radialista de Inhapi no sertão de Alagoas