Mega operação é deflagrada para prender assaltantes de bancos em Alagoas e na Bahia

Pelo menos oito pessoas foram presas em Paulo Afonso (BA); arsenal foi apreendido em Delmiro Gouveia (AL)


Uma operação integrada entre as polícias de Alagoas, Bahia, Pernambuco e Sergipe, deflagrada desde o início da manhã desta quinta-feira (17), nos municípios de Delmiro Gouveia (AL) e Paulo Afonso (BA), resultou na prisão de várias pessoas acusadas de roubo a instituições financeiras no Nordeste.

Pelo menos oito dos presos foram detidos em Paulo Afonso, na Bahia. Eles foram identificados como Jocélio Ramos Lúcio, Leonardo Henrique Lopes da Silva, Paulo Marcelo Pereira da Silva, Fabrício Pereira da Silva, mais conhecido como "Cardenal, Gilson da Silva Medeiros, 30, Everaldo João de Sá, 33, Ivaldo Pinheiro, conhecido como "Nego da Verdura", 43, e Valdian Amilton Varjão, 39.

Leonardo da Silva e Valdian Varjão trabalham na empresa de transporte de valores Prossegur. De acordo com a investigação, eles seriam responsáveis pelo repasse de informações para a quadrilha sobre as agências que seriam abastecidas com dinheiro.

Todos os presos foram levados para a Delegacia de Paulo Afonso, depois foram encaminhados para o Conjunto Penal da cidade. As prisões foram realizadas em cumprimento a mandados de busca, apreensão e prisão expedidos pela comarca do município.

Em Delmiro Gouveia, no estado de Alagoas, dois fuzis e uma grande quantidade de munições foram apreendidos no jardim do Fórum da cidade. O armamento teria sido abandonado no local por uma pessoa não identificada, durante a operação.

A ação, que continua sendo realizada nos quatro estados, conta com o apoio de helicópteros das secretarias de Segurança Pública de Alagoas e da Bahia. Participam policiais civis, militares e rodoviários federais dos quatro estados.


Fonte: Correio Notícia



Share on Google Plus

About Canal Na Hora

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Inhapi Informes ou de seus colaboradores.