Novo julgamento que decide futuro político de Padre Eraldo foi marcado para quinta-feira

Ele é pré-candidato a prefeito de Delmiro Gouveia, mas está inelegível; defesa tenta derrubar decisão da 40ª Zona Eleitoral




O julgamento do processo que define o futuro político do padre Eraldo Joaquim Cordeiro, mais conhecido como Padre Eraldo, pode ser definido na próxima quinta-feira (5) pelo Tribunal Regional Eleitoral (TER/AL). Ele é pré-candidato a prefeito de Delmiro Gouveia, mas está inelegível por determinação da 40ª Zona Eleitoral.

A inelegibilidade foi determinada pelo juiz Jairo Xavier Costa, depois que o Ministério Público representou Eraldo por ele supostamente ter feito doação acima do limite legal para campanha de Heloisa Helena, nas eleições de 2010.

A defesa de Padre Eraldo recorreu junto ao TRE/AL, que marcou o julgamento para o dia 14 de março deste ano, mas na data decidiu retirá-lo de pauta, o transferido para a sessão do dia 21 do mesmo mês. No novo prazo, o processo foi novamente adiado, desta vez sendo enviado para a Procuradoria Regional Eleitoral (PRE/AL).

Se conseguir se sair vitorioso na próxima quinta-feira, Padre Eraldo pode modificar toda a conjuntura política na disputa pela prefeitura e a Câmara de Vereadores de Delmiro Gouveia.


Fonte: Correio Noticia



Share on Google Plus

About Canal Na Hora

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Inhapi Informes ou de seus colaboradores.