Buraqueira toma conta de trecho da AL-140 entre Inhapi e Mata Grande

AL-140Há anos os moradores de Inhapi e Mata Grande aguardam uma ação do Departamento de Estradas de Rodagens (DER) para acabar com a buraqueira que tomou conta do trecho de 13 quilômetros da AL-140, entre os dois municípios.

Condutores de transporte alternativo relataram para a reportagem do Minuto Sertão que o percurso que pode ser feito em até 15 minutos, com a péssima situação em que se encontra está sendo realizado em quase uma hora. Ainda de acordo com os motoristas, a buraqueira causa risco de acidentes e danifica os veículos.

Um desses trabalhadores, motorista de caminhonete que não quis se identificar, disse que trabalha com transporte de passageiros na linha Inhapi/Mata Grande há mais de 20 anos e que nesse período a rodovia vem sendo mantida com obras de tapa buraco. “Resolve o problema momentaneamente e depois a buraqueira volta a aparecer ainda pior. Hoje a situação está tão ruim que não temos sequer espaço para desviar dos buracos”, reclamou.

Um enfermeiro que reside em Mata Grande e trabalha em outras cidades da região relatou que “é desgostoso ver um trecho que vai da cidade de Inhapi até ao povoado Leobino totalmente recuperado, enquanto os 13 quilômetros da mesma cidade até Mata Grande se encontram em situação de abandono.” Os dois referidos trechos fazem parte da mesma rodovia.

A AL-140 é o principal acesso asfaltado da cidade de Mata Grande. Além dela tem um trecho de estrada de terra que pertence à BR-316 e a AL-145 que entrou em processo de pavimentação no ano passado, mas as obras do trecho que vai da cidade até o povoado Santa Cruz do Deserto estão paralisadas na fase de terraplanagem.

Sobre a paralização das obras da AL-145, que deveriam ter sido entregues no ano passado, o Governo Estadual explicou que os trabalhos foram interrompidos por causa das chuvas na região, mas que vão recomeçar em setembro deste ano. Já quanto ao trecho não asfaltado da BR-316, aconteceu um processo licitatório e a empresa vencedora já está na fase de contratação para o início das obras de pavimentação que estão previstas também para o mês de setembro.

Quanto a buraqueira na AL-140, a Superintendência de Operação, Restauração e Conservação do DER informou, por meio da assessoria, que não existe nenhuma previsão de obras de restruturação da rodovia, mas adiantou que nos próximos dias será realizada uma operação “Tapa Buraco” que já está em cronograma.
Share on Google Plus

About Inhapi Informes

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Inhapi Informes ou de seus colaboradores.