Romaria do Senhor do Bonfim atrai multidão de romeiros para Mata Grande

[caption id="attachment_4556" align="alignleft" width="300"]Foto: Cortesia/Wadson Correia Foto: Cortesia/Wadson Correia[/caption]

Romeiros de vários estados do país começaram a chegar na cidade de Mata Grande, ainda cedinho, para não deixar de participar da Primeira Romaria do Senhor do Bonfim, realizada no último domingo (18). A estimativa é que ao menos 40 mil pessoas participaram da festa.

Enquanto Padre Sizo recepcionava aos romeiros no Santuário de Santa Teresinha, quem foi chegando, logo após a benção do padrinho, aproveitou para visitar as repartições do santuário, tirar uma foto e pagar promessas, como fez Camosina Santana, baiana de Jeremoabo, que estava agradecendo à Santa Teresinha por ter sido curada de uma dor na perna.

A romeira Ivonete, moradora de Paulo Afonso – BA, disse que não perde uma romaria e que veio com toda a família. O mesmo afirmou a dona Maria Simplício, de São José da Tapera.

Quando chegou a hora da Romaria, Sizo organizou os romeiros e saíram todos em procissão pelas principais ruas da cidade para dar boas-vindas ao Senhor do Bonfim. Mais de 700 motociclistas vieram de São José da Tapera e também participaram da festa.

Durante a procissão do Santo, um helicóptero derramou várias rosas sobre a cidade. O show no ar encantou à multidão de romeiros presente. A romeira Dionécia Moraes, moradora de Piranhas, ficou encantada com a chuva de rosas e queria ter pego pelo menos uma para levar para casa, mas não conseguiu.

O deputado estadual Inácio Loiola, amigo de Padre Sizo, esteve presente na romaria e realçou a importância da festa, definindo Sizo como um dos grandes representantes da Igreja Católica no Nordeste. “Mata Grande hoje é a capital alagoana da fé, através do trabalho desse grande conselheiro espiritual do povo nordestino e em particular do povo sertanejo, que é o Padre Sizo de Santa Teresinha. “ Disse.

Quem surpreendeu até ao padre foi o juiz da cidade que é devoto de Santa Teresinha e participou do evento do início ao fim. Jairo Xavier se diz santificado pelo fato da residência oficial do juiz da comarca local ficar ao lado do santuário e também por ser amigo de Padre Sizo, a quem define como um homem abençoado.

Com tanta gente nas ruas, o comércio chega aumentar suas vendas em até 90%. Os vendedores ambulantes que vêm de várias partes dos estados brasileiros aproveitam a oportunidade para vender seus produtos, como fez o jovem Jackson Silva que veio de Salvador para comercializar relógios.

Tem gente que vem para ficar mais uns dias para ter tempo de conhecer melhor as atrações turísticas da cidade, mas o difícil é encontrar uma vaga nas duas únicas pousadas do município que ficam lotadas durante a realização da festa.

Não há dúvida que as romarias promovidas por Padre Sizo de Santa Teresinha trazem progresso para Mata Grande e ele se orgulha disso. “É um chamado de Deus, nosso Senhor. Me tornei sacerdote da Santa Igreja Católica para servir ao povo, doando meu suor e se preciso meu sangue” Disse.

O Padre tem um projeto ousado que é construir no Alto da Serra do Angico, em Mata Grande, um monumento de Santa Teresinha com mais de 30 metros de altura. “Além da estátua de 36 metros, lá em cima vamos fazer a casa do romeiro. É um projeto bonito que já começamos a colocar em prática. ” Disse.

O matagrandese João Inocêncio se diz feliz com o avanço no turismo religioso na cidade. “Aqui, antes de Padre Sizo, Mata Grande era uma cidade esquecida. Não tinha turista algum, situação que mudou através do padre. Isso é motivo de grande alegria para nós.” Disse.
Share on Google Plus

About Inhapi Informes

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Inhapi Informes ou de seus colaboradores.