Quatro pessoas são presas suspeitas de assaltar construtora em Inhapi

[caption id="attachment_4570" align="alignleft" width="300"]Foto: Minuto Sertão Foto: Minuto Sertão[/caption]

O serviço de inteligência do 9º Batalhão de Polícia Militar, em conjunto com o Pelotão de Operações Especiais (Pelopes), prendeu na noite desta sexta-feira (23), por volta das 23h, quatro pessoas suspeitas de assaltar o escritório da construtora OAS, localizado às margens da BR-423, no povoado Leobino, em Inhapi.

Os presos são Leonicio Alves de Oliveira, 49, José Ricardo Vieira Rodrigues, Claudenor José dos Santos e José Antônio dos Santos. Conforme a polícia, o quarteto estava dentro de um carro Strada, de cor cinza e placa DKG-8278/SP que estava estacionado em uma estrada vicinal, em frente ao canteiro de obras da construtora que é responsável pelas obras do Canal do Sertão no município. Uma guarnição policial que passava pela localidade percebeu a movimentação estranha e acionou reforço.

Uma equipe do Pelotão de Operações Especiais (Pelopes) foi até ao local e abordou os ocupantes do automóvel. Durante revista no veículo, foram encontradas três armas de fogo, sendo uma espingarda, uma carabina e um revólver calibre 38, além de 18 munições intactas de calibres diferentes.

Os presos foram conduzidos para a Delegacia Regional de Polícia (1ª-DRP), em Delmiro Gouveia, onde durante levantamentos policiais foi constatado que os acusados são suspeitos de assaltar a construtora há algumas semanas, ocasião em que teriam levado alguns cilindros de gás.

Na cadeia, os quatro presos disseram aos policiais que estavam praticando caça. Os acusados foram autuados em flagrante delito pelo crime de porte ilegal de arma de fogo e formação de quadrilha. Todos ficaram reclusos a disposição da Justiça.
Share on Google Plus

About Inhapi Informes

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Inhapi Informes ou de seus colaboradores.