Caseiro é encontrado morto em casa onde residia e trabalhava em Inhapi

Foto: Blog Central do SertãoO agricultor Adeilson Inácio da Silva, 52, foi encontrado morto, na tarde desta terça-feira (17), por volta das 15h20, no alpendre da casa onde residia e trabalhava como caseiro, no Sítio Lagoa, na zona rural de Inhapi. A causa da morte do trabalhador ainda não foi identificada, mas há suspeita de incidente doméstico.

Segundo a polícia, o cadáver foi encontrado pelo proprietário do imóvel, o senhor José Paulo dos Santos, que ao chegar em sua propriedade teria se deparando com o agricultor caído no chão e já sem vida. “Dôda Cabelereiro”, como é conhecido, procurou o Grupamento de Polícia Militar (GPM) do município e comunicou o ocorrido.

De acordo com o Sargento Henrique, comandante do GPM, uma guarnição se dirigiu à localidade e localizou o corpo do trabalhador próximo de uma cadeira de plástico e sem nenhuma evidência que pudesse caracterizar homicídio ou suicídio. Conforme o militar, a suspeita é que a vítima tenha sentado na cadeira, adormecido e caído com a cabeça no chão, de maneira que pode ter morrido sufocado pelo peso do próprio corpo.

Nossa reportagem apurou que o agricultor era casado, mas residia sozinho, desde que sua esposa foi internada em uma clínica psiquiátrica, em Maceió. Adeilson seria alcoólatra e antes de ser encontrado morto estaria consumindo bebidas alcoólicas em bar perto de sua moradia.

O corpo foi recolhido pelo Instituto Médico Legal (IML), de Arapiraca. O caso vai ser investigado pelo delegado distrital José Walter Fontes Cunha.
Share on Google Plus

About Inhapi Informes

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Inhapi Informes ou de seus colaboradores.